Perfumada 24h por dia, 7 dias por semana

O cheiro corporal tem tanto que ver com a higiene, alimentação e hábitos, quanto com o seu perfume. Damos-lhe 8 dicas para se manter fresco do nascer ao pôr do sol, e dos pés à cabeça.

1. A SUA PELE
A pele bem hidratada retém a fragrância durante mais tempo que a pele seca. Logo, após o duche, quando os poros estão abertos, aplique uma loção corporal hidratante e aplique de seguida o seu perfume preferido.

2. ALIMENTAÇÃO: O QUE NÃO FAZER
O que come afeta o seu odor natural e a forma como os perfumes reagem na sua pele. Alguns alimentos e especiarias têm um aroma mais forte que outros, pelo que uma alimentação repleta de frutos e legumes frescos, e muita água têm um aroma menos forte. O álcool tem um cheiro que fixa na pele durante muito tempo, por isso se quer estar sempre cheiroso, evite as bebidas alcoólicas.

3. CABELO E COURO CABELUDO
Cada fio de cabelo está ligado a uma glândula sebácea que produz óleo. Quanto mais oleoso o seu cabelo, mais ele irá reter cheiros, tais como o cheiro a tabaco e cozinhados. Lavar o cabelo regularmente e aplicar condicionador desde o meio até às pontas irá manter o cabelo perfumado. E, porque o cabelo apanha muito os cheiros, é o local perfeito para aplicar a sua fragrância.

4. ZONAS ÍNTIMAS
As zonas íntimas do corpo devem ser lavadas com uma limpeza com pH equilibrado, para prevenir a proliferação de bactérias, que podem levar a odores desagradáveis e infeções. Feminelle é uma gama dermatológica e ginecologicamente testada, que pode ser usada diariamente para a manter fresca e confiante.

5. O SEU ESTILO
Lavar as peças de roupa com uma quantidade adequada de detergente, guardando-a longe da humidade e odores da cozinha, e limpar a sua máquina de lavar regularmente irá ajudar a evitar roupas com cheiro a mofo. Tente colocar uma saqueta perfumada nas suas gavetas para absorverem os maus odores e distribuírem a fragrância na roupa. Para uma frescura adicional, vaporize um pouco de perfume nas roupas – mas nunca em pele, seda e outros tecidos delicados que manchem facilmente.

6. HÁLITO FRESCO
Se não escovar e os dentes e usar fio dental diariamente, pedaços de comida ficam na boca, promovendo bactérias que podem causar mau hálito. Alimentos e especiarias fortes são também culpados uma vez que são absorvidos no sangue e levados para os pulmões, onde são expelidos através da respiração – o odor apenas desaparece quando os alimentos saem do seu sistema. A dica final é beber muita água – bocas secas têm normalmente mau hálito. 

7. ANDAR DESCALÇO
As bactérias na sua pele são libertadas através do suor pelos poros nos pés, o que pode causar maus odores. É perfeitamente normal, mas ainda assim embaraçoso. Combata o problema, usando meias de algodão e alternando diariamente entre dois pares de sapatos. Feet Up é uma gama com cuidados de pés antitranspirantes e cremes hidratantes, bem como produtos que removem calos e pele mais dura, propensa a maus cheiros.

8. O TOQUE FINAL
Uma eau de parfum tem uma conentração elevada de essência, o que lhe garante uma duração maior do que uma eau de toilette. Uma dica é aplicar nos pontos de pulsação e deixar secar naturalmente – esfregar os pulsos apenas fará com que a fragrância desvaneça mais depressa. 



Texto: Fotografia: Getty Images