FORTALEÇA O SEU SISTEMA IMUNITÁRIO

A definição médica de ‘imune’ é ‘Protegido contra infeções, geralmente através da presença de anticorpos.’ Organismos estranhos, tais como bactérias e vírus, estão constantemente a tentar entrar no corpo humano. O corpo possui um sistema de defesa inteligente, o sistema imunitário, que previne tais organismos de se estabelecerem. Vejamos como podemos fortalecer a nossa defesa imunitária.

As células do sistema imunitário estão presentes em todos os tecidos do corpo e, assim, não demora muito tempo até que organismos estranhos entrem nestas células imunitárias.

A resistência do seu sistema imunitário depende de muitos fatores, uma vez que é um sistema muito complexo e a sua capacidade reduz com a idade.
A ideia de fortalecer a imunidade é interessante, mas como é que isso funciona exatamente? Os cientistas ainda estão à procura de respostas. 
O que sabemos é que para que o sistema imunitário funcione adequadamente, é necessário equilíbrio e harmonia. 
Assim, estratégia gerais de um estilo de vida saudável são uma boa forma de começar a dar ao seu sistema imunitário o apoio de que este necessita. Existem diversas coisas que pode fazer, tais como:

Fazer uma alimentação rica em frutas e legumes 
Assegurar um microbioma intestinal saudável 
Manter um peso saudável
Fazer exercício físico regularmente
Dormir bem
Limitar o stress
Dar passos para evitar a infeção

 
 
ALIMENTAÇÃO RICA EM FRUTAS E LEGUMES

 Provavelmente já ouviu dizer que deve comer no mínimo 5 porções de frutas e legumes, todos os dias. Mas sabe porquê?

As frutas e legumes contêm elevadas quantidades de vitaminas, minerais, fitonutrientes e fibra alimentar que têm muitos efeitos benéficos para a sua saúde.
Quando comer frutas e legumes, tente escolher uma variedade de frutas e legumes de todas as cores do arco-íris! Cada cor reflete diferentes tipos de fitonutrientes que impactam positivamente a sua saúde em muitas áreas diferentes.  

Fitonutrientes
Aqui é uma seleção de fitonutrientes:

Roxo/Azul em uvas, mirtilos, groselha-negra, amoras, etc.:
Fenólicos
Antocianidinas
Flavonoides
Laranja/Vermelho em cenouros, pimentos, laranjas, etc.:
Capsaicina
Carotenoides
Hesperidina
Amarelo/Branco em curcuma e alho, etc.:
Curcumina
Alicina
Verde em espinafres, brócolos, kale, esparagos, etc.:
Glucosinolateos
Luteína
Zeaxantina

Então, o que é que estes fitonutrientes fazem na realidade? Estes têm benefícios antioxidantes e anti-inflamatórios. Antioxidantes protegem dos danos oxidativos, mantendo controlados os radicais livres.

Os danos oxidativos prejudicam as células no corpo e sobrecarregam as suas defesas  imunitárias.
Estes são causados por níveis acumulados de radicais livres no corpo. Os radicais livres são, na realidade, subprodutos naturais, também denominados resíduos, de diferentes reações químicas que ocorrem nas células do corpo.

Comportamentos de risco, tais como exposição excessiva ao sol, tabaco, consumo de álcool e alimentos fritos ou queimados, pode aumentar estes radicais livres no corpo.

Como pode imaginar, é vital fazer uma alimentação rica em frutas, frutos vermelhos e legumes, para assegurar que obtém importantes fitonutrientes que combatem os danos oxidativos.

 

 

Vitaminas e Minerais

De acordo com a Autoridade Europeia de Segurança Alimentar  (EFSA), existem vitaminas e minerais específicos, que contribuem para o normal funcionamento do sistema imunitário, que são:
Vitamina A
Vitamina B6
Ácido fólico
Vitamina B12
Vitamina C
Vitamina D 
Ferro
Zinco
Cobre
Selénio

A EFSA também afirma que as seguintes vitaminas e minerais contribuem para a proteção das células dos danos oxidativos:
Vitamina C
Vitamina E
Riboflavina (B2)
Zinco
Manganês
Selénio

Suplementação
Não existe substituto a uma dieta saudável, mas os suplementos alimentares podem ajudar a manter uma toma adequada de determinados nutrientes (fitonutrientes, vitaminas e minerais) que têm efeitos antioxidantes, durante tempos de stress ou quando se sente um pouco em baixo.

Se não consumir frutas e legumes suficientes, poderá também tomar suplemento com fitonutrientes, vitaminas e minerais, com efeitos antioxidantes.

Está provado que a suplementação antioxidante pode reverter diversas imunodeficiências associadas ao envelhecimento , resultando em níveis aumentados de glóbulos brancos que aumentam a imunidade, melhoram a resposta imunitária e inflamação persistente.


 

 


MICROBIOMA INTESTINAL


Apesar das células imunitárias se encontrarem em todos os tecidos do corpo, 70% do seu sistema imunitário encontra-se no intestino. Um intestino saudável é, assim, uma das principais linhas de defesa para o sistema imunitário.
O melhor que pode fazer pela saúde dos seus intestinos é alimentar os micróbios benéficos com os alimentos de que mais gostam – fibra alimentar e especialmente fibra prebiótica.
A fibra prebiótica é um tipo de fibra alimentar fermentável solúvel (gelificante). As fibras prebióticas mais estudadas são a inulina e FOS (fruto-oligossacarídeos) que poderá encontrar naturalmente em, por ex. raiz de chicória, alcachofra, alho, alho francês, cebola e banana.

Não só os prebióticos melhoram a sua saúde digestiva como também têm benefícios positivos na sua defesa imunitária.  

 
 


MAINTENHA UM PESO SAUDÁVEL

Há fortes evidências que indicam que o excesso de peso ou obesidade impactam negativamente a sua função e defesa imunitárias. 
A obesidade também prejudica a resposta imunitária à gripo e vacina da gripe. Comparado com os adultos com um peso saudável vacinados, os adultos obesos vacinados têm o dobro do risco de contrair gripe ou doenças semelhantes à gripe. 

Manter um peso saudável é por isso de suma importância. 
Um passo em direção a um peso saudável poderá ser preencher metade do prato com frutas e legumes nutritivos, antes de adicionar os restantes alimentos. Assim, não só aumenta o seu consumo de antioxidantes, como também resultará na ingestão de menos calorias. As frutas e legumes não só fornecem muitos nutrientes, como também uma quantidade muito pequena de calorias, além de requererem mais mastigação e conferirem mais volume, o que o ajuda a sentir-se saciado.

 

FAÇA EXERCÍCIO FÍSICO REGULARMENTE

De acordo com um artigo no American Journal of Clinical Nutrition , o exercício físico regular parece reduzir os níveis de danos oxidativos. Tal deve-se ao facto de o exercício físico aumentar as defesas antioxidantes.

O estudo também mostrou que pessoas sem alguma preparação física podem ter o efeito contrário, dando-se um aumento dos danos oxidativos. Quando apenas pratica exercício físico de forma intermitente, o corpo não está habituado a este agressor que, a curto prazo, poderá diminuir as suas defesas imunitárias.

Assim, Assegure-se que treina de forma regular para aumentar as suas defesas antioxidantes.

 


DURMA HORAS SUFICIENTES
Dormir é necessário para que o seu sistema imunitário funcione da forma mais eficiente possível. Uma das formas que o sono ajuda o sistema imunitário é a forma como promove a produção de células T. As células T são glóbulos brancos que desempenham um papel vital na resposta do sistema imunitário aos vírus. A sua ativação é um passo importante na forma como o corpo lida com invasores. As células T atacam e destroem as células que transportam o vírus. Por outras palavras, assegurarmo-nos que dormimos horas suficientes é uma das melhores formas de melhorarmos a nossa imunidade e nos defendermos contra vírus e doenças. 

 

LIMITE O STRESS

Embora o stress seja uma parte normal da vida, demasiado stress, durante um longo período de tempo, é claramente prejudicial ao seu bem-estar físico e mental. A resposta ao stress é conhecida por suprimir o sistema imunitário como resultado de um aumento da hormona do stress, o cortisol.  Isto resulta num maior risco de suscetibilidade a constipações e outras doenças. Não podemos evitar todas as fontes de stress nas nossas vidas, nem o queremos, pois em moderação também pode ser benéfico para nós em termos por ex. da nossa capacidade de nos focarmos. 
O que podemos fazer é desenvolver formas mais saudáveis de responder a essas agressões externas

Respirar profundamente é uma das formas de provocar a sua resposta de relaxamento. Quando respira profundamente, o ar que entra no nariz enche totalmente os seus pulmões, e o baixo ventre sobe.

A respiração abdominal profunda promove a troca de oxigénio total — que é a troca benéfica de oxigénio que entra e doóxido de carbono que sai. Não surpreende que tal pode desacelerar o ritmo cardíaco e baixar ou estabilizar a tensão arterial.

EVITE A INFEÇÃO

Embora possamos ter um estilo de vida saudável e ter um sistema imunitário funcional, é sempre bom saber como tentar evitar infeções.
Muitas infeções são propagadas pelo contacto com as mãos – para si mesmo e para os outros. Para evitar a infeção, deve lavar frequentemente as mãos com água quente e sabão. 
1. Lave adequadamente as mãos com sabão / sabonete líquido.
2. Lave bem entre os dedos, parte superior das mãos e à volta do polegar – no mínimo 20-30 segundos.
3. Enxague bem e seque (de preferência com a sua própria toalha ou papel descartável)

 
 

 

Se o sabão e água não estiverem disponíveis, proceda à desinfeção das mãos com álcool, mínimo 60%.
Quando tosse e espirra, são libertadas pequenas gotículas com agentes infecciosos. Ao tossir e espirrar para a dobra do cotovelo ou manga, previne a propagação da infeção no seu ambiente e previne a contaminação das mãos. 

Se o sabão e água não estiverem disponíveis, proceda à desinfeção das mãos com álcool, mínimo 60%.
Quando tosse e espirra, são libertadas pequenas gotículas com agentes infecciosos. Ao tossir e espirrar para a dobra do cotovelo ou manga, previne a propagação da infeção no seu ambiente e previne a contaminação das mãos. 

 

COMO É QUE A WELLNESS BY ORIFLAME PODE AJUDAR?
Nunca é tarde demais para começar a ser saudável. Os produtos Wellness by Oriflame apoiam-no a ter um estilo de vida saudável. Os nossos alimentos e suplementos não devem ser utilizados como substitutos de uma dieta variada, mas sim como complemento de uma alimentação variada para assegurar níveis adequados de nutrientes.
A regularidade é essencial para obter os melhores benefícios dos nossos produtos, uma vez que não são uma solução rápida. A suplementação regular é a solução perfeita para preencher as carências nutricionais, com o uso prolongado, e Assegure-se que tem tudo o que necessita para o corpo estar no seu melhor, embora a sua alimentação não seja sempre perfeita. 

Os nossos produtos não são produtos medicinais, e, como tal, não podem exercer uma ação farmacológico, imunológica ou metabólica. Assim, o seu uso não se destina a tratar ou modificar funções fisiológico. 

 

Os nossos produtos que podem ajudar a apoiar o seu sistema imunitário são:

Multivitamínico e Mineral (homem/mulher)

Ricos em vitaminas e minerais que contribuem para o normal funcionamento dos sistema imunitário.

Astaxantina e Extrato de Mirtilo

 
 

 

Rica em astaxantina carotenoide natural, com uma estrutura única, comparando com outros antioxidantes, que permite abranger toda a membrana da célula, conferindo proteção desde o interior. 
Para ainda mais benefícios, este produto também contém Mirtilos provenientes da Floresta sueca, e Vitamina C e E. Esta combinação de poderosos antioxidantes promove a saúde antioxidante, protegendo as células do corpo dos prejudiciais danos oxidativos. 


 

Não exceda as doses
Já ouviu a expressão “Quanto mais melhor”? Bem, isso NÃO se aplica aos nossos produtos. É importante que siga as doses recomendadas dos nossos produtos. Exceder as doses no que diz respeito aos suplementos pode, na realidade, ter o efeito oposto e pode, potencialmente, ser prejudicial para si. Assim, tome apenas a quantidade certa de suplemento (conforme indicado na embalagem). Na Suécia, chamamos-lhe a quantidade ‘lagom’.

MANTENHA-SE SEGURO E BEM!

 
 

[1] Rui H.L. Dietary Bioactive Compounds and Their Health Implications. Journal of Food Science Vol. 78, S1, 2013

[2] Knight JA. et.al. Review: Free radicals, antioxidants, and the immune system. Annals of clinical and laboratory science. 2000

[3] Rastall RA. et al. Modulation of the microbial ecology of the human colon by probiotics, prebiotics and synbiotics to enhance human health: an overview of enabling science and potential applications. FEMS Microbiology Ecology. 2005

[4] Milner JJ. et.al. The impact of obesity on the immune response to infection. The Proceedings of the Nutrition Society. 2012

[5] Green WD. et.al. Obesity Impairs the Adaptive Immune Response to Influenza Virus. Annals of the American Thoracic Society. 2017

[6] Clarkson PM. et.al. Antioxidants: what role do they play in physical activity and health? The American Journal of Clinical Nutrition, Volume 72, Issue 2, August 2000

[7] Benedict. C. et.al. Sleep enhances serum interleukin-7 concentrations in humans. Brain Behavior and Immunity. 2007 Nov;21(8):1058-62. Epub 2007 May 23

[8] Segerstrom. S.C. et.al. Psychological stress and the human immune system: a meta-analytic study of 30 years of inquiry. Psychol Bull. 2004

[9] Public Health Agency of Sweden. Skydda dig och andra från smittspridning. www.folhalsomyndigheten.se. 2020

Texto: